domingo, 14 de fevereiro de 2016

Situação do Setor Aeroespacial Será Debatida na Comissão de Ciência e Tecnologia

Olá leitor!

Segue abaixo uma matéria postada dia (11/02) no site da “Agência Senado” destacando que a situação do Setor Aeroespacial será debatida na próxima Terça-feira (16/02) na Comissão de Ciência e Tecnologia do Senado (CCT).

Duda Falcão

Home - Matérias – Comissões - Tecnologia

Situação do Setor Aeroespacial Será
Debatida na Comissão de Ciência e Tecnologia

Agência Senado
Da Redação
11/02/2016 - 15h48
Atualizado em 12/02/2016 - 17h50

Foto: Embraer

A Comissão de Ciência e Tecnologia (CCT) fará na próxima terça-feira (16) sua primeira audiência pública do ano. A pedido dos senadores Lasier Martins (PDT-RS) e Cristovam Buarque (PDT-DF), autoridades e especialistas da área vão debater a situação do setor aeroespacial brasileiro, a partir das 9h.

Os parlamentares querem saber como a crise econômica tem impactado o segmento, que foi responsável em 2014 por receitas de US$ 6,4 bilhões e pela geração de 24 mil empregos diretos.

"É preciso examinar quais programas do governo federal relacionados ao setor precisam ser estimulados. É preocupante, por exemplo, a situação do veículo lançador nacional de satélites, que se encontra em compasso de espera há vários anos", dizem os senadores no requerimento que deu origem à audiência.

Para eles, é necessário fortalecer as empresas já existentes, bem como estabelecer estímulos para que novas companhias se instalem e passem a funcionar no Brasil.

Foram convidados o presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB), José Raimundo Braga Coelho; o diretor-presidente da Associação das Indústrias Aeroespaciais do Brasil (AIAB), Walter Bartels; o diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE); Leonel Fernando Perondi; o vice-presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região, Herbert Claros da Silva; e um representante do Ministério da Defesa.


COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR


Portal e-Cidadania: www.senado.gov.br/ecidadania

Alô Senado (0800-612211)


Fonte: Site da Agência Senado - http://www12.senado.leg.br/

Comentário: Pois é, vamos para mais uma palhaçada infrutífera e custosa para os nossos bolsos, protagonizada por esse vendedores de ilusão. Fazer o que? Aproveitamos para agradecer ao leitor Jahyr Jesus Brito pelo envio desta notícia.

2 comentários:

  1. A comissão de aprovados do concurso da AEB tentou fazer um pouco de barulho duranteo debate. Nosso concurso vai vencer em março...

    Com a situação do país e com a vontade política atual, o primeiro quadro de servidores da história da AEB está sendo deixado de lado...

    Espero que os senadores da comissão defendam a nossa causa para que possamos mudar o programa espacial desse país. Colocar ele pra andar.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alexandre!

      Gostaria de ser otimista como você, mas meu estoque de otimismo e paciência com esses vermes já esgotou há muito tempo. Se eles realmente tivessem interesse de realizar algo no setor espacial, isto já teria sido feito há pelo menos 20 anos. Enfim... vamos ver o que acontece, mas a minha previsão é de que continuará tudo como antes no Quartel de Abrantes. Esses vermes não se interessam pelo PEB e jamais se interessarão enquanto perdurar esta cultura política vigente.

      Abs

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir