Parque Tecnológico Será Construído em Parnamirim-RN Para Atender a Área Aeroespacial

Olá leitor!

Segue abaixo uma interessante notícia postada ontem (03/09) no site “Agora RN”, destacando que o “Parque Tecnológico Trampolim da Vitória” será construído no espaço do antigo Aeroporto Augusto Severo, em Parnamirim-RN, visando pesquisas na área de Tecnologia Aeroespacial.

Duda Falcão

EDUCAÇÃO

Parque Tecnológico Será Construído no
Espaço do Aeroporto Augusto Severo

Iniciativa promovida pela Prefeitura de Parnamirim tem como objetivo fomentar
pesquisas na área da tecnologia aeroepacial; equipamento vai ocupar área de
10 mil metros quadrados do antigo aeroporto

Redação
03/09/2018 às 09:13

Foto: José Aldenir / Agora RN
Aeroporto Augusto Severo foi desativado comercialmente
em maio de 2014.

Quatros anos após a desativação para voos comerciais, o Aeroporto Internacional Augusto Severo, localizado em Parnamirim, voltará a ter utilidade pública. Um espaço de 10 mil metros quadrado será destinado à construção do Parque Tecnológico Trampolim da Vitória.

A nova estrutura será voltada para pesquisas na área da tecnologia aeroespacial. O objetivo é permitir que os jovens do município iniciem na carreira científica. O processo de licitação está previsto para meados de dezembro deste ano. O Executivo prevê um investimento de R$ 2 milhões, de recursos próprios, para o início das atividades. A previsão é que o parque inicie as atividades até o final do primeiro semestre de 2019.

Além de pesquisas e projetos aeroespaciais, serão ofertadas competências nas áreas de energias renováveis e sistemas de informação. O uso do espaço é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de Parnamirim e a Força Aérea Brasileira (FAB), que é a responsável pela administração da área do antigo aeroporto. O local é utilizado para os exercícios dos esquadrões do 1º e 8º Grupo de Aviação e do 2ª Esquadrão de Transporte Aéreo. A parceria também se estende ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN).

Segundo o secretário municipal adjunto da Ciência, Tecnologia da Informação e Inovação, Dario Medeiros, não é possível pensar no futuro sem pensar em inovação e tecnologia. “Essa é uma forma que temos de mudar a realidade do município”.

O parque vai funcionar através de mão de obra especializada de jovens que já atuam nos institutos federais. O projeto tem como objetivo instalar um laboratório de robótica, gerenciado pela Fundação Campus Party. Após essa formação, os estudantes estarão aptos a atuarem no parque, seja na manutenção das máquinas ou na pesquisa. Também serão oferecidas incubadoras e aceleradoras para jovens empreendedores.


Fonte: Site Agora RN - http://agorarn.com.br 

Comentário: Esta notícia leitor (anunciada anteriormente pelo Blog que ocorreria – veja aqui) é uma grande noticia para o Programa Espacial Brasileiro (PEB). Isto é, caso esta iniciativa seja realmente conduzida com seriedade, competência e comprometimento, algo que é difícil de acreditar que aconteça caso o Bolsonaro não venha a ser eleito como esperamos. Vale dizer que, com a instalação deste Parque Tecnológico em Parnamirim, pelo menos em teoria, graça as pesquisas que se esperam sejam conduzidas neste parque, as atividades espaciais de lançamentos de Foguetes no “Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI)”, deverão se tornar mais frequentes, o que transformaria este equipamento em algo de real valor ao país.

Comentários

  1. Bem lembrado,amigo (se me permite), qual a proposta do candidato e dos demais também sobre ensino,pesquisa e desenvolvimento tecnológico no brasil?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Unknown!

      O desgoverno TEMER instituiu uma Comissão para apresentar soluções para todos problemas do PEB que, poderão ser ou não aproveitadas pelo Governo Bolsobaro. Vamos aguardar.

      Abs

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite