Dilma Rousseff, Forças Armadas e Espaço

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada ontem (26/10) no blog “Panorama Espacial” do companheiro jornalista André Mileski destacando a parte da carta às Forças Amadas divulgada dia 25/10 pela assessoria da candidata a Presidência da República, Dilma Rousseff, que trata do programa espacial.

Duda Falcão

Dilma Rousseff, Forças Armadas e Espaço

26/10/2010

A campanha de Dilma Rousseff, candidata a Presidência da República, divulgou ontem (25) uma carta aberta às Forças Armadas, discorrendo sobre promessas e o tratamento que a candidata pretende dar ao setor de Defesa caso seja eleita. Esta carta, aliás, foi objeto de reportagens publicadas hoje (26) nos principais jornais do País, como a Folha de S. Paulo e o Valor Econômico.

Na tarde de hoje, o blog recebeu por e-mail uma cópia do documento, que também faz referência ao setor espacial. Embora o blog seja apartidário, reproduzimos abaixo alguns trechos, a título de informação aos seus leitores:

"A perfeita coordenação, hoje vivenciada por nossas Forças Armadas, fará com que tenhamos importantes progressos em três segmentos imprescindíveis para a defesa do País: o setor cibernético, o espacial e o nuclear.

[...]

"Continuará como prioridade o desenvolvimento do Veículo Lançador e a fabricação de satélites."

O documento recebido pelo blog está em arquivo de imagem, razão pela qual não foi aqui reproduzido. Buscamos, sem sucesso, uma versão em texto no website da campanha da candidata.


Fonte: Blog “Panorama Espacial“ - André Mileski

Comentário: Bom candidata Dilma, resta saber qual prioridade no setor espacial a senhora se refere? Se é a prioridade demonstrada durante o governo do presidente Lula, estamos ferrados.

Comentários

  1. um programa espacial não se faz apenas em 8 anos se fhc NÃO TIVESSE CONTRIBUÍDO TAMBÉM PARA O SUCATEAMENTO DAS FA E DO PESPACIAL HOJE A REALIDADE SERIA OUTRA

    ResponderExcluir
  2. Olá Rosalvo!

    Uma vez mais você está correto em sua colocação, realmente Fernando Henrique Cardoso foi o grande responsável pelo sucateamento das Forças Armadas, como também do PEB, gerando o acidente com o VLS de 2003, isto já no governo LULA. Porém a falta de prioridade durante estes oito anos de governo LULA levou ao atraso tecnológico e a falta de rumo que o programa se encontra hoje.

    Abs

    Duda Falcão
    (Blog Brazilian Space)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Operação CRUZEIRO: Primeiro Ensaio em Voo de um Motor Aeronáutico Hipersônico Brasileiro

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite