INPE Participa de Evento de Astronomia Espacial na USP


Olá leitor!

Segue abaixo uma notícia postada hoje 02/09 no site no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) destacando a participação do instituto no 1º Workshop de Astronomia Espacial que se realizará nesta quinta-feira (03/09) no Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo (IAG/USP).

Duda Falcão

INPE Participa do 1º Workshop de Astronomia Espacial

02/09/2009

O 1º Workshop de Astronomia Espacial acontece nesta quinta-feira (3/9) no Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo (IAG/USP). Este workshop é uma iniciativa conjunta da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB), do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Astrofísica (INCT-Astrofísica), do Instituto Nacional de Tecnologias e Ciências do Espaço (INEspaço), da Agência Espacial Brasileira (AEB) e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).

O objetivo do workshop é aproximar a comunidade interessada para discussão das experiências de astronomia espacial envolvendo o Brasil - como o satélite de raios X Mirax, desenvolvido pelo INPE - e a apresentação e discussão de propostas de construção de um telescópio espacial brasileiro e da participação nacional em projetos no exterior.

Os participantes também discutirão o Programa Nacional de Atividades Espaciais (PNAE) e as ações para construção de uma estratégia comum para a astronomia espacial, como a proposta de um edital do Programa Uniespaço, da AEB, que estimule uma demanda competitiva por projetos espaciais.

As apresentações serão transmitidas ao vivo pela IPTV USP: http://iptv.usp.br

Mais informações sobre o 1º Workshop de Astronomia Espacial na página www.astro.iag.usp.br/~iwae

MIRAX

Primeira missão astronômica brasileira em satélite, o MIRAX (Monitor e Imageador de Raios X) investigará a região central do plano galáctico e seus objetos, como buracos negros e estrelas de nêutrons. Estará a bordo do LATTES, um satélite científico desenvolvido pelo INPE e com lançamento previsto para 2014, que atenderá não só aos objetivos astronômicos do Mirax como também a missão Equars, esta voltada para estudos na baixa, média e alta atmosfera e ionosfera na região equatorial. No caso da missão Mirax, o objetivo é o estudo de raios X do centro da galáxia, observando continuamente a região central do plano galáctico para realizar estudos espectroscópicos de banda larga.

O MIRAX fará um levantamento espectroscópico (DE~5 keV) por imagem (resolução de ~7 arcmin) de uma grande região do céu (~1000 graus quadrados), ao longo da região central do Plano Galáctico, em uma ampla faixa de energia (~2 a 200 keV).Pela primeira vez, será feito um acompanhamento quase contínuo, simultâneo, de uma grande variedade de fenômenos transientes, como transições espectrais e ejeções colimadas de matéria em binárias de raios X, bursts e superbursts etc., em escalas de tempo de minutos a aproximadamente nove meses


Fonte: Site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)

Comentário: Esse encontro será muito interessante para a astronomia espacial brasileira e dele poderá sair novas idéias e objetivos para o Programa Espacial. A notícia inclusive cita pela primeira vez o interesse na construção de um telescópio espacial brasileiro e a participação nacional em projetos espaciais nessa área com outras nações. Vou acompanhar com interesse o resultado desse workshop e procurarei manter o leitor informado. Outro fato a ser citado é a proposta a ser discutida no evento para um edital do Programa Uniespaço, da AEB, que venha estimular uma demanda competitiva por projetos espaciais. Vamos acompanhar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Da Sala de Aula para o Espaço

Janeiro de 2015 Registra Recorde de Focos de Queimadas Detectados Por Satélite