sexta-feira, 25 de maio de 2018

Grupo Akaer e Troya Se Unem Para Formar o Mais Completo Fornecedor de Ferramental Brasileiro

Olá leitor

Veja abaixo leitor uma interessante noticia publicado no dia (23/05) no site “Defesanet.com” destacando que os Grupos Akaer e Troya se uniram para formar o mais completo fornecedor de ferramental brasileiro.

Duda Falcão

COBERTURA ESPECIAL - GRIPEN NG BRAZIL - AVIAÇÃO

Grupo Akaer e Troya Se Unem Para
Formar o Mais Completo Fornecedor
de Ferramental Brasileiro

Defesanet
23 de Maio, 2018 - 09:00 ( Brasília )


O Grupo Akaer, formado por empresas de desenvolvimento e integração de tecnologias, adquiriu participação acionário na Troya, um dos mais importantes fornecedores de ferramental e plataformas da Embraer, passando a ser o controlador da empresa.

As empresas possuem capacidades complementares tanto nas áreas técnicas como nas áreas de gestão e comercial, o que deve ampliar a capacidade de atuação da Troya para projetos maiores e mais complexos como linhas de montagem completas (equipamento, processo e automação) para grandes segmentos, como asas, cabine e fuselagem.

Além disso, a Troya contribuirá de forma significativa para um dos mais importantes projetos de P&D (Pesquisa & Desenvolvimento) de Ferramental Flexível do país, que está sendo desenvolvido pela Akaer através do Inova Aerodefesa, da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos).

Os dois locais de operação da Troya serão realocados para a moderna sede da Akaer, em São José dos Campos, ocupando inicialmente uma área de 1.200 m² e com possibilidade de expansão.

“Esse investimento é mais um importante passo para a concretização da nossa visão empresarial de nos tornarmos fornecedores de 1º nível na cadeia de serviços e produtos tecnológicos no setor de Aeroespaço & Defesa”, disse Cesar Augusto T. Andrade e Silva, presidente e CEO da Akaer. 

“Essa nova fase junto à Akaer é um marco na história da Troya e também no mercado aeronáutico brasileiro, que pode agora contar com um grande fornecedor nacional de ferramental”, disse Francílio Graciano, presidente e fundador da Troya.

O Grupo Akaer, fundado em 1992, é especializado no fornecimento de soluções tecnológicas em diferentes áreas de atuação como aeroespacial, defesa, energia e automotiva. Com mais de 350 funcionários altamente capacitados, tem atuado no desenvolvimento em projetos estratégicos para o Brasil como o Gripen, KC-390, além de câmeras para satélites.

A Troya é um dos principais fornecedores de ferramental para o mercado aeronáutico. Fundada em 2008, a empresa conta com mais de 40 funcionários dedicados ao projeto, desenvolvimento e fabricação de ferramental. Em 2017, recebeu prêmio de melhor fornecedor de ferramental da Embraer.



Comentário: Na verdade leitor esta notícia é mais da área Aeronáutica e de Defesa que não é de nossa competência, mas vale salientar que o Grupo Akaer também atua na área espacial e bem recentemente (veja aqui), durante a FIDAE 2018 (realizada de 03 a 08 de abril em Santiago do Chile), esta empresa apresentou ao mercado internacional uma câmera para nanossatélites, notícia esta que é muito boa para o nosso pífio Programa Espacial e deverá ajudar muito a projetos deste tipo que estão agora sendo realizados no Brasil, pelo menos assim nós esperamos, e já temos até uma informação que em pelo menos um deles isso possa acontecer. O Blog BRAZILIAN SPACE fica na torcida para que a Akaer continue brasileira, e não se deixe seduzi pelo assedio das raposas estrangeiras que tentam a todo custo tomar o controle do setor espacial brasileiro com a devida colaboração deste governo de merda, que peca por inércia ou por motivos obscuros.

Um comentário:

  1. outra excelente notícia para o Brasil, minhas únicas magoa com o PEB, é o Brasil ainda não ter um Lançador Orbital, isso em 2018, mas mesmo assim estamos torcendo pelo Brasil sempre, mesmo no último pau de arara, notícias como essa aumenta a nossa esperança que um dia no futuro, teremos o nosso lugar na corrida espacial.

    as notícias vem melhorando a cada dia, em 2019 está previsto o lançamento do nosso VLM-1 , espero que funcione 100%, assim o mesmo com os projetos do VS-43 e VS-50

    ResponderExcluir