quarta-feira, 17 de junho de 2015

As Mentiras da AEB e o Que Se Pode Ainda Esperar Este Ano na Área de Lançamentos de Foguetes no Brasil

Olá leitor!

Tenho sido questionado por alguns leitores do BLOG ávidos em saber o que dentre as notícias saídas na mídia ou divulgadas pela AEB referentes a lançamentos de foguetes em 2015, são efetivamente verdadeiras? 

Felizmente parece que até mesmo o menos informado de nossos leitores começa a enxergar que as noticias divulgas pela mídia e principalmente pela Agência Espacial Brasileira (AEB) sob o comando deste presidente fantoche não merece a mínima credibilidade.

Um grande exemplo disto foi à vergonhosa e mentirosa nota postada no site da Agência dias atrás informando o suposto lançamento do VLM-1 em 2018, como se a construção e o desenvolvimento de um lançador de satélites pudesse ser realizado apenas com promessas.

Entretanto leitor, não satisfeito com a divulgação desta deslavada mentira, na mesma nota a AEB diz: O presidente também informou estar em estudo à proposta de ser levado ao espaço três experimentos selecionados no 5º Anúncio de Oportunidade, lançado em fevereiro último. A proposta desta edição visa a selecionar um dispositivo que avalie aspectos fisiológicos do espaçonauta Pedro Nehme no voo suborbital do qual ele participa no final do ano”.

Na verdade leitor esta informação é apenas meia verdade, ou seja, no que diz respeito à possibilidade de se levar ao espaço três experimentos no voo do jovem Pedro, realmente esta proposta está sendo estudada. Isto é, segundo informações colhidas pelo BLOG. No entanto não sei de onde a AEB tirou a ideia de que este voo ocorrerá no final do ano. Conveniente não? Muito, aliás como tem sido quase todas as notícias sobre o PEB divulgadas por esta piada chamada Agência Espacial Brasileira (AEB).

Deixando de lado este vergonhoso e ineficiente órgão só útil mesmo a imagem deste desgoverno desastroso quando atua eficientemente como agência de propaganda enganosa, em resposta a pergunta de nossos leitores eu diria que, “a única coisa certa em nosso Programa Espacial é que não há nada certo”.

No entanto, no que diz respeito ao lançamento de foguetes relevantes do Brasil este ano, a expectativa do Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE) é de realizar duas importantes missões, ou seja, a primeira e mais importante delas do Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI) e a outra do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA).

Na missão do CLBI uma versão tecnológica (primeira versão de quatro) da primeira capsula espacial não tripulada brasileira para experimentos em Microgravidade deverá ser lançada ao espaço num voo suborbital através do mais poderoso foguete de sondagem desenvolvido no Brasil, o VS-40M. Trata-se do lançamento do SARA Suborbital 1 (Satélite de Reentrada Atmosférica 1) da “Operação São Lourenço”, projeto este de grande relevância cientifica e tecnológica idealizado pelo saudoso Dr. Paulo Morais Jr., e muito aguardado pela Comunidade Espacial do país e por aqueles simpatizantes das atividades espaciais brasileiras como eu.

Segundo o que disse em recente entrevista ao BLOG o atual gerente do Projeto SARA, o Mj. Élcio Jerônimo de Oliveira, a expectativa de sua equipe e das empresas envolvidas no projeto é que a campanha de lançamento do SARA venha ser iniciada na segunda metade de setembro deste ano, e aqui ficamos na torcida para que isso possa realmente ocorrer.

Já quanto à missão do CLA, trata-se da campanha de lançamento da “Operação Mutiti”, operação esta que visa o lançamento de um foguete VSB-30 (esta era a primeira opção) ou de um VS-30/Orion que tem como objetivo atender a primeira chamada do 4º AO (Anuncio de Oportunidade) do Programa Microgravidade da AEB.

Segundo informações colhidas pelo BLOG, esta missão deverá ocorrer até o final do ano e terá como finalidade o lançamento em Ambiente de Microgravidade dos seguintes experimentos:

1. Solidificação de Ligas Eutéticas em Microgravidade (SLEM) - Responsável: Chen Ying An (INPE)

2. Os Efeitos da Microgravidade Real no Sistema Vegetal de Cana-de-Açúcar Utilizando o Foguete de Sondagem VSB-30 - Responsável: Katia Castanho Scortecci (UFRN)

3. Plataforma de Aquisição para Análise de Dados de Aceleração II (PAANDA II) - Responsável: Marcelo Carvalho Tosin (UEL)

4. Novas Tecnologias de Meios Porosos para Dispositivos com Mudança de Fase - Responsável: Marcia Barbosa Henriques Mantelli (UFSC)

Além disso, consta no site da AEB que um quinto experimento será conduzido nesta missão, ou seja:

5. Sistema para Ensaio Funcional do Estágio Propulsivo Líquido (EPL) - Responsável: Cel. Avandelino Santana Junior (IAE)

Caso esta informação esteja realmente correta, este será o segundo teste de voo do sistema propulsivo EPL/Motor L5, o que por si só já é uma grande noticia para as pesquisas brasileiras em Propulsão Líquida.

Vale dizer que além dessas missões o Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE) tem a expectativa de realizar ainda este ano a “Operação Santa Bárbara I”, operação esta que é uma especie de voo simulado do protótipo do VLS-1, expectativa esta que em nossa opinião esta mais no campo da fantasia, há não ser que o IAE resolva realizar uma operação maquiada tendo como único intuito dar uma satisfação a Sociedade Brasileira. Bom leitor, é isto, vamos aguardar e observar como todas essas expectativas irão terminar.

Duda Falcão

2 comentários:

  1. " UM PINÓQUIO SOB COMANDO"

    Mentira é a afirmação de algo que se sabe ou suspeita ser falso; não contar a verdade ou negar o conhecimento sobre alguma coisa que é verdadeira. A mentira é o ato de mentir, enganar, iludir ou ludibriar alguém ou a coletividade.
    O termo "mentira" é utilizado como uma oposição ao que é verdade, ou seja, a mentira é o antônimo da verdade. Os responsáveis acostumados a mentir, é chamada de mentirosa, sendo que este adjetivo possui conotação pejorativa.
    Contar uma mentira consiste em falar o divulgar algo sem fundamento, que não é verdade para alguém, com o intuito de que essa pessoa acredite. Mentir é sinônimo de enganar, além de ser uma das ações praticadas por quem possui intenções maliciosas em relação aos semelhantes que esperam, clareza e a verdade dos fatos. Por essas razões, a mentira é considerada um ato imoral ou criminal.
    A verdade encubada sempre esteve presente, anualmente nas divulgações que omitem toda a atividade do PEB, ludibriando todos os integrantes que convive diariamente com as notícias do programa cientifico. As mentiras podem ser classificadas em diferentes níveis, desde as "mentiras inofensivas e paliativas ", que possuem uma finalidade de benevolente, até as mentiras que têm o objetivo de mascarar a realidade dos fatos, que estão sempre em conflitos com a verdade, e a sequência do não comprimento com as programações especificadas nos PNAES e PLANOS DIRETORES da............VIDA.
    No entanto, a mentira em excesso ou de forma compulsiva pode ser sinal de um início adquirido, chamado de transtorno psico chamado " Mitomania.
    Normalmente, a mentira nasce da necessidade do elemento representante da mentira, em obter algum proveito ou se livrar de alguma situação que o incomode, pressionada ( o) por uma origem conhecida, neste caso, o poder Executivo. O mentiroso compulsivo, por sua vez, não tem nenhum objetivo ao mentir, fazendo isso mesmo quando não está sobre pressão social. O mitomaníaco usa a mentira como uma ferramenta de consolo, pois assim sente-se mais satisfeito e calmo consigo mesmo, mascarando as suas angústias e depressões.
    A título de curiosidade de de pesquisa, no âmbito religioso, a mentira é considerada um pecado divino, estando relacionada com o que é mau, maligno ou indigno. Na doutrina cristã, por exemplo, a mentira é representada pela figura do diabo, considerado o "pai das mentiras", para os cristãos.
    Entre os sinônimos mais utilizados para a palavra "mentira", estão: embair, enganar, engazupar, iludir, lograr e ludibriar.
    Mentira tem perna curta, a famosa expressão popular "a mentira tem perna curta" significa que toda a mentira, mais cedo ou mais tarde, acaba por ser descoberta, ou vindo a tona do conhecimento de todos os espectadores.
    Esta expressão serve como uma lição para as crianças e para os governantes, diretores de institutos, em fim de todos os cidadãos, de que não vale a pena insistir na mentira, seja elas cabeludas, descabíveis ou indevidas.
    Já estamos chegando ao mês de Julho e o Dia da Mentira comemorado mundialmente em 1º de Abril, já passou. Que descalabro monumental, ainda continuam tentando cobrir o sol com a peneira.
    Já imaginou se essas pessoas robotizadas com o nariz comprido, indo fazer uma operação cirurgia plastica, no intuito de reduzir a extensão do seu nariz !!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito !!! fica uma pergunta: isso pega ?

    ResponderExcluir