Diretor da ACS participa de Audiência Pública em Alcântara


Segue abaixo uma nota postada dia 05/06 no site da empresa bi-nacional Ucrânia/Brasileira ACS - Alcântara Cyclone Space sobre o andamento das obras do sítio de lançamento do foguete Cyclone 4 na base de Alcântara.

Duda Falcão

Diretor-Geral da Alcântara Cyclone Space
Fala Sobre o Projeto em Alcântara

Gustavo Tourinho - 05/06/2009

O diretor-geral brasileiro da Alcântara Cyclone Space, Roberto Amaral, participou, nesta sexta-feira (5), em Alcântara, de audiência pública organizada pela Câmara de Vereadores e pela Prefeitura Municipal da cidade. O objetivo do encontro era apresentar ao Poder Público e à população de Alcântara o projeto da empresa binacional, criada pelos governos do Brasil e da Ucrânia para concorrer no bilionário mercado mundial de lançamento de foguetes. A expectativa é que o primeiro foguete Cyclone-4 vá ao espaço no segundo semestre de 2010.

O evento contou com a participação do prefeito de Alcântara, Raimundo Soares, do presidente da Câmara de Vereadores, Benedito Barbosa, do deputado federal Domingos Dutra (PT-MA) e de aproximadamente 200 pessoas, entre moradores de Alcântara e remanescentes de quilombolas. Durante cerca de duas horas, Amaral falou sobre o projeto "Cyclone-4" e os benefícios que a instalação da empresa binacional poderá levar aos moradores da região.

A expectativa é que sejam criados cursos de capacitação e construídos mais e melhores hospitais e escolas na região. O início da operação da Alcântara Cyclone Space fará de Alcântara referência mundial em lançamento de foguetes e levará para a região investimentos, o que vai gerar empregos diretos e indiretos e renda.

Roberto Amaral aproveitou a visita a Alcântara para anunciar à população a criação de um centro cultural na cidade, que servirá como ponto de referência na região. O objetivo é fazer desse lugar um ponto de encontro da população, um lugar de lazer e cultura.

Obras

Com a conclusão dos estudos de impactos ambiental e social na região, estima-se que as obras da binacional tenham início no começo do segundo semestre deste ano. Tais estudos são exigência do IBAMA para liberar a construção da base de lançamento da Alcântara Cyclone Space. Terminados os estudos ambientais e sociais, dos quais participaram os remanescentes de quilombolas de Alcântara, resta realizar uma audiência pública na cidade para poder iniciar a construção do sítio de lançamento.

Obra indispensável para o primeiro lançamento da empresa binacional, a reconstrução da MA-106, rodovia que liga o Porto de Cujupe ao Centro de Lançamento da Aeronáutica, onde se situa o sítio da Alcântara Cyclone Space, deve começar até o fim deste mês de junho. O dinheiro para a obra já está à disposição do Governo do Maranhão e foi liberado graças à intermediação, junto ao Governo Federal, da empresa binacional.

(Gustavo Tourinho - Assessoria de Comunicação da ACS)


Fonte: Site da Alcântara Cyclone Space - ACS

Comentário: Grandes notícias para o PEB e a expectativa e que o primeiro vôo teste do Cyclone 4 com um satélite universitário japonês abordo (é provável que leve também um satélite tecnológico brasileiro) seja realizado em dezembro de 2010. Ano que vem, caso todos os cronogramas de lançamento sejam cumpridos, será um divisor de águas na história do Programa Espacial Brasileiro, se não vejamos: Estão planejados além do vôo do Cyclone 4, o lançamento do terceiro VS-40 com a plataforma sub-orbital SARA e finalmente o esperado primeiro vôo tecnológico do VLS-1 (dez de 2010). Vamos aguardar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Da Sala de Aula para o Espaço

Top 5 - Principais Satélites Brasileiros

Por Que a Sétima Economia do Mundo Ainda é Retardatária na Corrida Espacial