segunda-feira, 24 de outubro de 2016

CVT Espacial, Um Sonho Próximo de Se Tornar Realidade

Olá leitor!

Se não houver mudanças na programação do “VI Fórum de Pesquisa e Inovação” do Centro de Lançamento da Barreira do Inferno (CLBI), a se realizar de 07 a 09/11, o único real legado até agora da gestão do Sr. Braga Coelho (mesmo que não por iniciativa do mesmo, já que não tem competência para tanto) deverá ser entregue a Comunidade Espacial Brasileira, especialmente aquela ligada ao Espaçomodelismo Brasileiro.

Trata-se da inauguração do Centro Vocacional Tecnológico Espacial (CVT Espacial), projeto de nossa Agencia Espacial de Brinquedo que foi apresentado pela primeira vez aos líderes comunitários de Alcântara em novembro de 2013 pelo Diretor da Área de Satélites, Aplicações e Desenvolvimento da AEB, o Dr. Carlos Alberto Gurgel Veras (este sim talvez o grande responsável pela concretização do projeto) e pelo espaçonauta brasileiro Pedro Nehme.

A Estagiária Elisa Gonçalves junto a Maquete do CVT
Espacial a ser instalado no Centro de Lançamento
da Barreira do Inferno (CLBI).

O leitor pode está agora se perguntando o porquê deste projeto ser tão importante para o Espaçomodelismo Brasileiro? Bem, na realidade o CVT Espacial consiste em um complexo instalado no CLBI com capacidade para receber 40 estudantes de escolas públicas e privadas, do ensino fundamental, médio e superior tendo como objetivo a realização de:

* missões espaciais completas em pequena escala, como montagem e teste de cansats, que são pequenos satélites do tamanho de uma lata de refrigerante;

* montagem e lançamento de veículos lançadores, com recuperação de carga útil;

* recepção e análise de dados que os pequenos satélites tiverem coletado;

* Haverá ainda um Planetário Itinerante que poderá ir as escolas;

* impressoras 3D com a qual o estudante poderá produzir na hora o protótipo desenvolvido; e

* Um observatório, para a atividade solar e observação noturna.

Em resumo, um fantástico complexo direcionado a Space Education sem igual ainda em toda a América Latina, realmente um projeto muito significativo que precisa ser ampliado para outros pontos do país como, por exemplo, Alcântara-MA, São José dos Campos-SP e Santa Maria-RS.

Neste momento eu gostaria de ter maiores informações para passar ao nosso leitor sobre este importante projeto, mas desde que o mesmo foi apresentado aos lideres comunitários de Alcântara em 2013 que venho aguardando sem sucesso uma resposta a minha solicitação de entrevista com a coordenadora deste projeto, mas na realidade o que importa aqui não é a falta de educação dessa gente e sim a concretização deste importante projeto que finalmente deixará de ser uma maquete.

Duda Falcão

2 comentários:

  1. Muito bom saber dessa possibilidade de termos um espaço para testes de cansats. Assim, já teremos um local para uma possível competição nacional de cansats.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Brehme!

      Espero realmente que sim jovem amigo, teremos de aguardar para ver se este espaço irá funcionar com a dinâmica necessária. Primeiro ele tem de sair da maquete. Vamos aguardar e torcer.

      Abs

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir