quinta-feira, 30 de abril de 2015

Monitores do Planetário Digital de Anápolis (GO) Visitam a AEB

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (30/04) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB), destacando que monitores do Planetário Digital de Anápolis (GO) visitaram doa 29/04 a sede  da AEB em Brasília.

Duda Falcão

Monitores do Planetário Digital
de Anápolis (GO) Visitam a AEB

Coordenação de Comunicação Social

Foto: Valdivino Júnior/AEB
Monitores do Planetário Digital de Anápolis
e Adriana Correa (D), da AEB.

Brasília, 30 de abril de 2015  A Agência Espacial Brasileira (AEB) recebeu na quarta-feira (29) a visita de um grupo de monitores e servidores do Planetário Digital de Anápolis (GO). O grupo veio ao Distrito Federal para conhecer as atividades do Planetário de Brasília (DF) e assistiram na Agência a palestras de bolsistas e colaboradores da instituição.

As palestras abordaram um Centro Espacial, voltado ao desenvolvimento de atividades espaciais em Natal (RN), pela colaboradora Elisa Gonçalves; o CubSat Serpens, pelo bolsista Gabriel Figueiró, e Astrofotografia e o Ensino de Astronomia, pelo estudante Lucas Silva da Universidade de Brasília (UnB). A apresentação despertou o interesse dos monitores em incluir a fotografia nas atividades do planetário.

“Vir a AEB é muito importante para o grupo porque nas atividades do planetário promovemos muitas ações apoiadas pela agência. Nós utilizamos o material enviado pela AEB em nossas atividades com os estudantes. No ano passado ganhamos 23 medalhas na Olímpiada Brasileira de Astronomia e Astronáutica”, ressalta Juliana Braga, diretora de Desenvolvimento Científico e Tecnológico de Anápolis.

A tecnologista da Diretoria de Satélites, Aplicações e Desenvolvimento (Dsad), da AEB, Adriana Correa, que recebeu o grupo, salientou a importância da cooperação entre a Agência e o Planetário para fomentar os conhecimentos em astronomia.

O Planetário Digital de Anápolis atende as escolas da cidade e da região, tendo já recepcionado escolas do interior de Minas Gerais. O equipamento completou um ano de funcionamento em 30 de janeiro. Desde a inauguração recebeu a visita de 50 mil pessoas.

Segundo Juliana, o principal foco de suas atividades é promover a ciência e a tecnologia entre os estudantes e a população local. O espaço recebe diariamente escolas e o público em geral para apresentações na cúpula.


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira (AEB)

Um comentário:

  1. Estudantes visitam a Agencia Suborbital dependente da Alemanha, China e sem recursos (pois foi roubado) Brasileira. ou: ASdACsrB. Que vergonha!! tô vermelho de raiva!

    ResponderExcluir