sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Sem Compromisso Nada Se Realiza.

Olá leitor!

Como sabemos o Presidente TEMER esteve recentemente em Xiamen, na China, para participar da “IX Cúpula do BRICS”, bloco político-econômico formado pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Diante da importância estratégica do setor espacial em países como a China, Rússia e Índia, grandes protagonistas nesta área no mundo, a nossa expectativa era de que durante o evento este setor fosse pauta das discussões e negociações de forma significativa, porém não foi o que ocorreu, ou então que assim tenha sido divulgado. Isto é, pelo menos não no âmbito do BRICS.

Acontece que no dia 04/09 (Segunda-feira), enquanto a Cúpula acontecia, o Presidente TEMER teve um encontro bilateral com primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, tendo como pauta principal discutir a ampliação do Acordo de Comércio Preferencial (ACP) entre o Mercosul e a Índia, acordo este que está em vigor desde junho de 2009, e tem como objetivo ampliar a exportação e a importação entre os países do Mercosul e os asiáticos.

Entretanto leitor este encontro não se limitou a esta discussão sobre o ACP, e diversos outros temas foram discutidos, temas como, por exemplo, energia nuclear, cooperação científica, aviões da Embraer, entre outros, e entre eles a exploração espacial.

O que será leitor que esse verme POPULISTA de merda discutiu sobre exploração espacial com primeiro-ministro indiano? Nada foi dito ou divulgado na mídia, pelo menos que eu saiba, porém não há como esquecer que durante a Reunião do IBAS (bloco político-econômico formado pela Índia, Brasil e África do Sul) realizada em Brasília em abril de 2010, durante o segundo governo do Ex-Presidente LULA, foi acertado o desenvolvimento de dois microssatélites entre os países do bloco, sendo um para estudos climáticos e outro para observações da Terra.

Na época se divulgou que o Brasil coordenaria o desenvolvimento de um dos satélites e a África do Sul o outro, enquanto por sua vez a Índia ficaria responsável pelo lançamento de ambos os satélites. Acontece que mesmo tendo ocorrido posteriormente alguns encontros técnicos entre as equipes do INPE com pesquisadores sul-africanos e indianos, infelizmente o projeto não avançou como esperava os sul-africanos (os mais empolgados com o projeto) e simplesmente despareceu. Alias, vale lembrar que na época que esse projeto foi divulgado, o Blog BRAZILIAN SPACE, sentindo a grande empolgação dos sul-africanos, avisamos por diversas vezes aos mesmos que, se eles quisessem realmente que esses microssatélites saíssem do papel, não incluíssem o Brasil no projeto, que o mesmo fosse desenvolvido bilateralmente com os indianos ou então unicamente por eles, já que o LULA estava fazendo jogo de cena e o seu governo e o próximo não teriam compromisso com esta iniciativa, e não deu outra.

Mas fica a pergunta, será que TEMER discutiu esse assunto com os indianos, ou outro qualquer? Talvez o lançamento do ITASAT-1, ou então o uso da Base de Alcântara? Olha leitor, eu não sei, mas seja lá o que foi discutido sem compromisso nada se realiza.

Duda Falcão

4 comentários:

  1. Você era cético quanto ao governo de Lula e acredita em um governo que já se lixou para a ciência cortando 40% do orçamento, por favor né Duda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rodrigo!

      Apesar de sua ironia sem sentido, vamos lá. Cético em relação ao LULA, sim sempre fui, não votei nele e jamais votaria, pois sabia que ele era safado. Quanto ao TEMER, foram os próprios petistas que o colocaram lá, não esqueça disso, e sempre disse aqui no Blog (é só rever meus comentários da época) que apesar da necessária queda da DILMA, isto não significaria que haveria mudanças, poderia até piorar. O problema do Brasil já disse por diversas vezes é cultural, está enraizado no egocentrismo de sua própria sociedade, que segue um caminho de formação de tudo menos cidadãos, base necessária para a existência de qualquer nação de verdade. Isto evidentemente reflete em todos setores da sociedade, inclusive e principalmente na Classe Politica onde marginais se infiltram para se dar bem, formando essas legendas de merda como o PT, PMDB, PSB, Tucanos e tantos outros que existem por ai, são todos POPULISTAS de merda, cada um defendendo o seu que não é necessariamente a do ignorante povo brasileiro como deveria unicamente ser. O resto é conversa fiada e a nossa situação é gravíssima, pois cultura não se muda da noite pro dia.

      Att,

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir
    2. Petistas votaram no programa de governo da Dilma e não nesse programa golpista que está aí, quem colocou Temer foi o PMDB que era "aliado" você com um cara esclarecido não deveria pegar essa frases feitas e soltar como sua própria, deixe o partidarismo e o ódio de lado e seja racional.

      Excluir
    3. Rodrigo sinceramente depois do que você disse não há como continuar a discussão, seria infrutífero e não acrescentaria nada. Deixa pra lá, vamos encerrar o assunto.

      Att,

      Duda Falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir