segunda-feira, 23 de maio de 2016

CLA Recebe Integrantes da Embaixada e Força Aérea dos Estados Unidos

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada dia (23/05) no site do “Centro de Lançamento de Alcântara (CLA)” destacando que o centro recebeu na quinta-feira passada (19/05) a visita técnica de integrantes da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil e da United States Air Force (USAF).

Duda Falcão

CLA Recebe Integrantes da Embaixada
e Força Aérea dos Estados Unidos

Publicado: 23 Maio 2016
Última atualização em 23 Maio 2016


O Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) recebeu nesta quinta (19/5) e sexta-feira (20/5) a visita técnica de integrantes da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil e da United States Air Force (USAF). A atividade teve por objetivo promover a troca de conhecimentos sobre as atividades espaciais desenvolvidas tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos. Participaram da visita o Ministro Conselheiro para Assuntos Comerciais da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, Enrique Galindo Ortiz que foi acompanhado de oficiais do Escritório de Ligação Militar do órgão diplomático norte-americano. Pela USAF estiveram presentes o oficial especialista em assuntos espaciais da 12ª Força Aérea (AFSOUTH), Tenente Coronel Banta York, além de representante da Divisão de Operações Espaciais do Air Force Space Command (AFSPC) e do Air Force Research Laboratory (AFRL).  

A visita técnica ao CLA foi iniciada com uma apresentação institucional da organização militar da Força Aérea Brasileira (FAB) realizada pelo Coronel Aviador Cláudio Olany Alencar de Oliveira, Diretor do CLA. Na apresentação, o Coronel Olany destacou o histórico das atividades espaciais no Brasil, estrutura de funcionamento do Sistema Nacional de Desenvolvimento das Atividades Espaciais (SINDAE), meios operacionais e de apoio atualmente disponíveis no CLA, principais operações realizadas, futuros lançamentos e desafios enfrentados atualmente pelo Centro.

Os visitantes puderam conhecer as instalações operacionais do Centro de Controle – coordenação das operações de lançamento – , estações do Setor de Comando e Controle (SCC) como a Meteorologia, Telemedidas e Rastreio. No Setor de Preparação e Lançamento (SPL), a comitiva norte-americana conheceu as novas instalações do Prédio de Segurança e do Prédio de Depósito de Propulsores, essenciais para o aumento da segurança durante as campanhas de lançamentos. Além dos prédios recém-inaugurados, os visitantes viram um mock-up em dimensões reais do foguete suborbital VSB-30, veículo certificado para lançamentos no exterior que já cumpriu mais de 20 operações com sucesso em solo europeu. Também foi visitada pelos norte-americanos, a Casamata, a estrutura mais próxima das plataformas de lançamentos e que abriga em segurança parte das equipes envolvidas com as operações. No SPL, a visita foi encerrada na Torre Móvel de Integração (TMI), estrutura de montagem e operação do Veículo Lançador de Satélites (VLS), o maior foguete de desenvolvimento nacional.

Dentro das atividades da visita técnica ao CLA, o Ministro Conselheiro para Assuntos Comerciais da Embaixada dos Estados Unidos, Enrique Galindo Ortiz, abordou uma apresentação com dados atualizados sobre o setor espacial no mundo e perspectivas de negócios relacionadas à área junto aos Estados Unidos por meio de acordos e parcerias. Ainda na quinta-feira, Timothy Leroy, Subchefe da Divisão de Operações Espaciais do Comando Espacial da Força Aérea (AFSPC) apresentou a política, doutrina e processos de lançamento espacial nos Estados Unidos.

No último dia de atividades, o Tenente Coronel York, especialista em atividades espaciais da 12ª Força Aérea (AFSOUTH) e do Comando Espacial da Força Aérea (AFSPC) realizou uma apresentação com o histórico das atividades espaciais nos Estados Unidos, contemplando os primórdios da corrida espacial no pós II Guerra Mundial, últimos avanços com o lançamento de veículos reutilizáveis e o futuro do setor espacial. Na sequência, Timothy Leroy, do Comando Espacial da Força Aérea (AFSPC) detalhou as missões da 45ª Ala Espacial/ Grupo de Operações Espaciais e de esquadrões de lançamento nos Estados Unidos, com ênfase na alta operacionalidade das organizações envolvidas na área. Por fim, o Físico de Pesquisa Sênior, Ronald Glen Caton, da Diretoria de Veículos Espaciais do Laboratório de Pesquisas da Força Aérea (AFRL) trouxe aos participantes da visita técnica informações sobre as atividades desempenhadas pela instituição de pesquisas da USAF que desenvolve estudos e pesquisas espaciais por meio dos lançamentos e observações na Estação Espacial Internacional, resultando em novos produtos e melhorias na vida cotidiana de toda sociedade.

“Foi um encontro muito significativo, onde foi criado um diálogo entre os países e compartilhada experiências e práticas desenvolvidas no âmbito do programa espacial para a competitividade dos países, desenvolvimento de indústrias vinculadas à área espacial e criação de emprego e renda”, afirmou Enrique Galindo Ortiz, Ministro Conselheiro para Assuntos Comerciais da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil.

“Devido as altas cifras envolvidas na atividade espacial, a cooperação mútua é um caminho que as nações vem seguindo, como forma de reduzir custos e obter máximo desempenho com ganhos compartilhados”, afirmou o Coronel Aviador Cláudio Olany Alencar de Oliveira, Diretor do CLA.


Fonte: Site do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA)

Comentário: Extremamente preocupante esta notícia, estão procurando sarna para se coçar dando banana aos macacos, mas nada de se estranhar, pois nos falta governo e sobra irresponsabilidade, estupidez, falta de brasilidade e sabe-se lá o quê mais neste caso. Triste

5 comentários:

  1. a visita técnica de integrantes da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil e da United States Air Force (USAF), e recebem de lembrança pela visita uma miniatura de um Lançador que nunca teve sucesso em seus vôos e que teve a sena mais trágica de nosso história, não vejo a satisfação da FAB em entregar uma miniatura desse foguete que só nos trouxe tristezas, e depois que o Governo Vermelho caiu, os Ianques vem nos visitar com toda a alegria do mundo para se apossar do nosso CLA, está escrito nos sorrisos nos filhos do Tio Sam

    ResponderExcluir
  2. Isto é uma vergonha. Mas me pergunto qual a novidade nisso? Afinal esse governo é uma Temeridade. Isto é mais uma prova do entreguismo desse governo. Esta na hora do povo reagir a estes boçais do governo e colocá-los para correr antes que façam mais, com o perdão da palavra, cagadas nesse nosso país. Falta brasilidade!

    ResponderExcluir
  3. Porque apareceu a maquete do VLS na foto??? Para demostrar que sabeMos que fomos sabotados, mas mesmo assim se orgulhamos em sermos submissos??? Para mostrar que missões espaciais são para nações de primeira linha, mas o Brasil agora comandado por vassalos, vai ser submisso mantendo a Agência Espacial de Brinquedo e apenas plantando laranja??? Que não estamos nem ai para os inúmeros profissionais mortos naquilo que também creio que tenha sido sabotagem (explosão de Alcântara)??? Não vejo a menor justificativa para aparecer a maquete do VLS na foto... Alias, nisto somos excelentes. Montar comissões e maquetes... Infelizmente com este governo é máximo que a agencia de brinquedo vai fazer, e é a tudo que os norte-americanos desejam. Já vejo a Avibrás falindo em poucos anos... A sabotagem vai vir de dentro, em forma de asfixia financeira.

    ResponderExcluir
  4. EStá na hora de preparar outra maquete já que o VLS1 foi abandonado...

    ResponderExcluir
  5. Paulo Giovann, é muito triste mesmo, ver que nossa língua portuguesa está sendo violentada a cada dia nesse país, parece até que o Inglês é a segunda língua falada no Brasil, os programas de TV, tem o intuito de implantar a cultura Estadunidense nos jovens e em geral , só assim fica mais fácil de se colonizar a população, tudo isso acontece porquê existem espiões aqui controlando tudo isso e o que é pior tem muitos políticos e militares brasileiros que vendem a nação em troca de dólares e destruindo a nossa Nação, é lamentável tudo isso, mas é a pura Realidade de sempre!!!

    ResponderExcluir