segunda-feira, 7 de setembro de 2015

O Eng. Ozires Silva é Agraciado pela AAB Com o Primeiro Prêmio Paulo Moraes Jr.

Olá leitor!

Eng. Ozires Silva
A Associação Aeroespacial Brasileira (AAB) anunciou dia 04/09 através do seu Boletim de Nº 281 que, o Eng. Ozires Silva, foi escolhido como o primeiro profissional do Setor Aeroespacial a ser agraciado com o Premio Paulo Moraes Jr.

Nascido em Bauru em 08 de janeiro de 1931, o Eng. Ozires Silva destacou-se por sua contribuição no desenvolvimento da Indústria Aeronáutica Brasileira. Foi o responsável pela equipe que projetou e construiu o avião Bandeirante e liderou em 1969 o grupo que promoveu a criação da Embraer, uma das maiores empresas aeroespaciais do mundo, dando assim início à produção industrial de aviões no Brasil.

Posteriormente assumiu a presidência da empresa onde permaneceu até 1986, quando então aceitou o desafio de ser presidente da Petrobras, e onde atuou até 1989.

Em 1990, assumiu o Ministério da Infra-Estrutura e, em 1991, retornou à Embraer, desempenhando um papel importante na condução do processo de privatização da empresa, processo este concluído em 1994.

Também atuou como presidente da Varig por dois anos (2000-2002) e em 2003 criou a empresa “Pele Nova Biotecnologia” em Ribeirão Preto, empresa esta fruto da “Academia Brasileira de Estudos Avançados”, focada em saúde humana cuja missão é a pesquisa, desenvolvimento e produção de tecnologias inovadoras na área de regeneração e engenharia tecidual.

O Eng. Ozires Silva também faz parte de uma série de Conselhos e de Associações de Classe, e em 18 de novembro de 2008, a Unimonte (Centro Universitário Monte SerratSantos-SP) apresentou à sociedade o Eng. Ozires como o seu novo reitor.

Vale dizer que a expectativa é que o primeiro Prêmio Paulo Moraes Jr. seja entregue o Eng. Ozires Silva pelo filho do Dr. Paulo durante a realização da Assembleia Geral da AAB no dia 17/09/2015.

O Blog BRAZILIAN SPACE aproveita para parabenizar ao Eng. Ozires Silva pela sua premiação e pelo grande serviços prestados ao Setor Aeroespacial Brasileiro.

Duda Falcão

Nenhum comentário:

Postar um comentário