quarta-feira, 25 de julho de 2018

Eng. Lucas Fonseca Ministrará Palestra da Reunião da SBPC

Olá leitor!

Desde o ultimo domingo (22/07) está sendo realizada nas instalações da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), em Maceió, a 70ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC)”, evento este que se estenderá até o próximo Sábado (28/07).

Pois então leitor, este grande evento que é o maior do setor de C&T no país, não poderia deixar de fora uma das mais significativas iniciativas não governamental na área de educação para o espaço surgida no Brasil desde 1994 quando da criação de nossa pífia Agencia Espacial de Brinquedo (AEB), ou seja, o “Programa Garatéa”.

Sendo assim, o seu idealizador e coordenador, o Eng. Lucas Fonseca (CEO da strartup brasileira AIRVANTS) estará ministrando dia 26/07 (quinta-feira), das 15:00 as 15:30, no Pavilhão da ExpoT&C, a palestra “Missão Garatéa - Acesso ao Espaço Como Forma de Inspiração”.

Segundo fui informado, além desta interessante palestra, a galera do “Programa Garatéa” está participando também da exposição ExpoT&C, junto com a galera do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), ambas instaladas no estande da Aeronáutica nesta exposição (veja as fotos abaixo).

Fonte: Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA)
Estande da Aeronáutica na ExpoT&C da Reunião da SBPC.

Como boa notícia leitor, em conversa com o Eng. Lucas Fonseca no dia de ontem (24/07), via Zap (através do Grupo PEB em Debate), ficamos sabendo de que o Projeto da GARATÉA-L (primeira sonda lunar brasileira) está dentro do prazo, e que atualmente eles estão trabalhando com duas janelas de lançamento. A primeira delas em 2020 e a segunda em 2022, está ao qual a equipe está mais focada, apesar da mesma está dento do prazo para ambas janelas.

Ainda segundo o engenheiro da AIRVANTIS, a galera da USP São Carlos já vem trabalhando na carga útil (experimentos) da sonda, enquanto o pessoal do ITA (uma das diversas instituições brasileiras envolvidas nesta missão) já vem trabalhando na engenharia de sistemas desta fantástica missão lunar brasileira.

Complementando o papo sobre a Missão GARATÉA-L com este fantástico realizador brasileiro (um bom nome para fazer a nossa pífia Agencia Espacial funcionar de verdade, isto num eventual Governo Bolsonaro), o engenheiro nos informou que faz parte também desta iniciativa lunar o lançamento em 2019 de um cubesat em órbita LEO (missão esta denominada Garatéa-LEO), para assim testar previamente em voo todas as tecnologias e experimentos que serão utilizadas nesta Missão Lunar.

Além disso, o Eng. Lucas nos informou que está semana a galera do Programa GARATÉA estará relançando o Projeto Garatéa-ISS, desta vez com foco para atingir 3000 mil estudantes de todo o Brasil. Assim sendo, você educador dos quatro cantos do país que de verdade se importa com a boa formação de seus alunos utilizando-se das fantásticas ferramentas disponibilizadas pelas tecnologias empregadas na educação espacial, terá a oportunidade de fornecer esta experiência em sala de aula, bastando para isto ficar atento ao link: http://www.garatea.space/projetos/garatea-iss . Portanto faça sua parte e se inscreva e boa sorte.

Antes de fechar a papo com CEO da AIRVANTIS, nos foi enviado pelo mesmo à foto abaixo. Trata-se da foto do cubesat do Grupo ZENITH (USP São Carlos) desenvolvido para participar do “1º CubeDesign”, à primeira competição de nanossatélites do Brasil que começa no dia de hoje no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), em São José dos Campos (SP).

Duda Falcão

Fonte: Grupo ZENITH da USP São Carlos
Cubesat do Grupo ZENITH desenvolvido para o 1º CubeDesign.

Nenhum comentário:

Postar um comentário