segunda-feira, 26 de junho de 2017

Alunos do Vale Participam de Concurso Global da ONU

Olá leitor!

Segue abaixo uma notícia postada dia (23/06) no site do jornal “O VALE”, destacando que Estudantes da Rede Municipal de São José dos Campos (SP) participam de Concurso Global da ONU sobre a exploração do espaço e dos problemas sociais do planeta.

Duda Falcão

NOSSA REGIÃO

Alunos do Vale Participam de
Concurso Global da ONU

Estudantes da rede municipal de São José entregam trabalhos sobre
a exploração do espaço e os problemas sociais do planeta

Por Julia Carvalha
São José dos Campos
Junho 23, 2017 - 22:48

Foto: /Beto Faria/PMSJC
Concurso. INPE irá encaminhar os trabalhos
dos alunos para Viena.

Cerca de 20 alunos da Escola Municipal Elizabete de Paula Honorato representaram os alunos da rede de ensino de São José dos Campos no INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) na última terça-feira. Os alunos entregaram os trabalhos que serão inscritos no concurso Peace and Cooperation School Award 2017, promovido pelo UNOOSA - Escritório das Nações Unidas para Assuntos do Espaço Exterior.

Os temas abordado nos trabalhos artísticos refletem os problemas sociais atuais e ressaltam como a exploração do espaço pode trazer benefícios para a humanidade.

Estudantes do mundo todo participaram da ação. Em São José, os alunos com idade entre 7 e 12 anos das 48 escolas de ensino fundamental produziram os trabalhos. Dos mais de 200 cartazes desenvolvidos pelas escolas, cerca de 50 foram selecionados para participar do concurso

O INPE enviará os trabalhos dos alunos para Viena, na Áustria, onde será realizado o concurso. Os vencedores serão anunciados pela UNOOSA em outubro deste ano e os primeiros colocados receberão prêmios em dinheiro.

"Gosto muito de ciências, de livros e desenhos sobre o espaço. O INPE é grande e muito bonito, fiquei feliz em cantar para os pesquisadores e entregar os cartazes feitos pelos colegas. Torço para que uma de nossas escolas ganhe o concurso", disse o aluno Anthony Gabriel Ribeiro da Cunha, 6 anos, que participa da ação..


Fonte: Site do Jornal “O VALE” - 23/06/2017

Comentário: Olha leitor está é uma exemplar ação do INPE e sendo assim não poderia aqui deixar de divulgar e parabenizar o instituto por esta iniciativa. Entretanto é preciso entender que esta iniciativa é fruto de uma ação pontual de alguém de visão com poder (ou de um grupo de pessoas) de dento do INPE que resolveu se mexer, e não de uma política governamental especifica para o setor espacial que estimule e apoie ações como esta de forma coordenada e logisticamente conduzida com eficiência em busca de resultados a médio e em longo prazos. O que precisamos é de comprometimento de todos, dos institutos, dos órgãos envolvidos, pesquisadores, do governo e da sociedade na busca de encontrar soluções que conduzam o tema e a questão espacial com a responsabilidade que ela exige para o futuro de nossa desejada nação. O que acontece é que os institutos são maus geridos, os órgãos estão alinhados com os interesses nefastos do governo e têm incompetentes coniventes gerindo-os, os pesquisadores na sua maioria estão mais preocupados na manutenção de seus empregos até que achem coisa melhor, o governo não governa, há não ser os seus próprios interesses e a sociedade egocêntrica como é, só pensa no seu próprio umbigo. Num universo como este leitor não há como desenvolver cientificamente e tecnologicamente nenhuma sociedade, e o futuro não é nada promissor. Uma vez mais parabéns ao INPE por esta iniciativa. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário