quarta-feira, 26 de abril de 2017

No Planetário de Brasília Estudantes Viajam Pelas Galáxias

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada ontem (25/04) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB) destacando que no Planetário de Brasília estudantes viajam pelas Galáxias.

Duda Falcão

No Planetário de Brasília
Estudantes Viajam Pelas Galáxias

Mayara Oliveira
Coordenação de Comunicação Social – CCS
25/04/2017

Fotos: Valdivino Júnior/CCS

Um grupo de estudantes da Escola Franciscana Nossa Senhora de Fátima participou, na última segunda-feira (24.04), de uma visita guiada pelas galáxias e nebulosas expostas em quadros, no Planetário de Brasília. Realizada pela Agência Espacial Brasileira (AEB), a visita contou também com uma sessão comentada na cúpula do Planetário e oficina de construção de uma carta celeste, usada para identificar objetos astronômicos.

Os 34 alunos do 6º ano conheceram os projetos desenvolvidos pela AEB, entre eles a réplica do Veículo de Sondagem Brasileiro (VSB-30), exposto na área externa do Planetário. Os estudantes ficaram maravilhados com o que viram. Para Ítalo Martins, de 11 anos, foi uma ótima oportunidade para conhecer mais sobre o planeta Terra. “É interessante saber que o Brasil tem projetos voltados para o espaço”, contou.


Além do VSB-30, outros projetos estavam expostos no local e foram apresentados aos alunos, como o Satélite de Coleta de Dados (SCD-2), lançado ao espaço em 1998. O SCD-2 é um satélite de pequeno porte que opera em uma órbita de 760 km de altitude, e fornece dados ambientais ao país com base na utilização de satélites e plataformas de coleta de dados (PCDs).

Também foram apresentados os Foguetes Suborbitais VS-30 e VS-40, o Veículo de Sondagem Brasileira (VSB-30), direcionado a realizar experimentos em ambiente microgravitacional. A série de foguetes SONDA, utilizados para missões suborbitais de exploração do espaço, capaz de lançar cargas úteis compostas por experimentos científicos e tecnológicos que serviram de base para a criação dos motores que compõem o Veículo Lançador de Satélites (VLS 1).

Os estudantes conheceram também as constelações mais famosas e os planetas que compõem o sistema solar na sessão comentada, que aconteceu na cúpula do Planetário. Logo em seguida foi exibido o filme Dois Pedacinhos de Vidro. A produção conta a história do telescópio, começando com a luneta do físico, matemático e astrônomo, Galileu Galilei, até os modernos instrumentos astronômicos.


Para a coordenadora pedagógica da Escola Franciscana, Cristiane Vasconcelos, a atividade foi uma oportunidade de praticar o que os alunos estudam na escola. “A prática da teoria é muito importante, pois eles absorvem o conhecimento de uma forma muito mais precisa”, explicou.

A programação foi encerrada com uma oficina de construção de cartas celestes, usadas desde a antiguidade até os dias atuais para a identificação dos corpos celestes.


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira (AEB)

Nenhum comentário:

Postar um comentário