terça-feira, 1 de novembro de 2016

Avança Cooperação Científica Entre Brasil e Portugal em Pesquisas no Atlântico

Olá leitor!

Segue abaixo uma notícia postada hoje (01/11) no site do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC), destacando que avança Cooperação Científica Entre Brasil e Portugal em Pesquisas no Atlântico.

Duda Falcão

NOTÍCIAS

Avança Cooperação Científica Entre Brasil
e Portugal em Pesquisas no Atlântico

Os ministros Gilberto Kassab e Manuel Heitor acertam os próximos passos da
parceria para pesquisa espacial e marinha no centro de pesquisa dos Açores.
Acordo prevê nova agenda científica centrada no Oceano Atlântico.

Por Ascom do MCTIC
Publicação: 01/11/2016 | 15:49
Última modificação: 01/11/2016 | 17:11

Crédito: Ascom/MCTIC

Os ministros da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações do Brasil, Gilberto Kassab, e da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Portugal, Manuel Heitor, definiram nesta terça-feira (1) os próximos passos da parceria em torno do Centro de Pesquisa Internacional dos Açores (AIR Center, na sigla em inglês), ao acertar um encontro acadêmico e empresarial na própria ilha, e o lançamento da Semana de Ciência Brasil-Portugal, previsto para junho.

"Nós demos hoje, aqui, um passo muito importante na parceria bilateral, mas também na forma de os nossos países cooperarem em nível internacional para o desenvolvimento de uma nova agenda científica, tecnológica e empresarial centrada no Atlântico", disse Heitor. "E a nossa ideia principal é desenvolver o AIR Center, nos Açores, à estreita colaboração com o Brasil e suas ilhas de Fernando de Noronha e São Pedro e São Paulo, e criar uma nova plataforma entre todas as nações atlânticas, seja da África, da América ou da Europa."

Segundo o ministro português, as duas pastas se comprometeram a atrair os demais países do Atlântico para participar do encontro nos Açores, provavelmente em abril. "Acordamos de organizar essa reunião e assinar um convênio onde as duas nações convidem o restante do Atlântico para desenvolver essa plataforma de cooperação, a partir dos centros de observação nas ilhas brasileiras e da pesquisa realizada no AIR Center e nas instituições científicas distribuídas por vários cidades, como São Paulo, São José dos Campos, Fortaleza, Florianópolis e Campinas", relatou.

Heitor propôs a Kassab, ainda, a realização da 1º Semana de Ciência Brasil-Portugal, com lançamento planejado para junho, no Brasil. "Seria um evento de promoção da cooperação acadêmica e divulgação científica", afirmou.

Os ministros se encontraram pela primeira vez em 5 de setembro, em São Paulo, para celebrar os 30 anos do acordo bilateral em ciência e tecnologia. Na ocasião, a delegação portuguesa apresentou o projeto do AIR Center a representantes da Agência Espacial Brasileira (AEB), em Brasília, e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), em São José dos Campos. De localização geográfica estratégica, o centro de pesquisa tem infraestrutura para abrigar uma base espacial, instalações para medição de radiação atmosférica e um departamento de oceanografia e pesca. Os dois governos começaram a definir a colaboração durante encontro nesta segunda (31), na AEB.

Também participaram da audiência com os ministros os presidentes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Mário Neto Borges, e da Fundação para a Ciência e Tecnologia de Portugal (FCT), Paulo Ferrão, os diretores de Temas Científicos e Tecnológicos do Ministério das Relações Exteriores, Benedicto Fonseca Filho, de Gestão das Unidades de Pesquisa e Organizações Sociais do MCTIC, Paulo Roberto Pertusi, e de Políticas e Programas Temáticos do MCTIC, Sávio Raeder.


Fonte: Site do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC)

Comentário: Temos ciência que alguns portugueses ligados ao Programa Espacial de seu país são leitores do Blog BRAZILIAN SPACE, e sendo assim o recado foi dado, cabe a vocês (se sérios forem) não entrarem de corpo e alma nesta barca furada. Façam um favor a vocês mesmos, perguntem ao Braga Coelho o que houve com o projeto dos microssatelites do IBAS????

Nenhum comentário:

Postar um comentário