segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Aluno do ITA Recebe Prêmio de Melhor Pôster em Conferência Internacional

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada dia (05/08) no site do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) destacando que aluno deste instituto recebeu Prêmio de Melhor Pôster em Conferência Internacional.

Duda Falcão

Notícias

Aluno do ITA Recebe Prêmio de Melhor
Pôster em Conferência Internacional

Assessoria de Comunicação Social
05/08/2016


Eletrônica paralelamente ao 1º ano do mestrado em Física, conquistou o prêmio de melhor pôster na 19ª edição da International Conference on Superlattices, Nanostructures and Nanodevices (ICSNN). Em 2016, a conferência ocorreu em Hong Kong no período de 25 a 30 de julho. Sendo uma das mais relevantes do mundo no assunto, a ICSNN é adjunta à maior conferência de física de semicondutores do mundo, a ICPS (International Conference on the Physics of Semiconductor), realizada em Beijing neste mesmo ano.

Nesta 19ª edição, a ICSNN contou com a presença de cientistas mundialmente relevantes na área, incluindo o prêmio Nobel de Física de 1985, Klaus von Klitzing. Durante a conferência, mais de 70 palestras e de 60 pôsteres foram apresentados, abrangendo temas como heteroestruturas, super-redes, informação quântica, dispositivos e materiais 2D, nanofios, pontos quânticos, nanodispositivos e física em terahertz. Daniel apresentou um pôster, entitulado “Coincidence lattices for optimal van der Waals heterostructures”, relativo ao trabalho de iniciação científica que desenvolveu em 2015 sob orientação da Profa. Dra. Lara Kühl Teles, do Departamento de Física, Divisão de Ciências Fundamentais. Como prêmio, Daniel recebeu US$ 500,00 e divulgação internacional de seu trabalho. Sua apresentação na ICSNN 2016 só foi possível devido ao apoio do ITA e da T-61, que concederam as condições para o aluno apresentar sua pesquisa e acreditaram na relevância deste evento para o aluno e para a instituição. Atualmente, a iniciativa da T-61 vem sendo amplificada pela ITAEx, proporcionando cada vez mais oportunidades como essa.

No contexto do trabalho, a descoberta experimental do grafeno em 2004 iniciou um crescimento exponencial de pesquisas sobre materiais bidimensionais, por conta das promissoras características que estes materiais apresentam para o desenvolvimento da nanotecnologia. Por meio de combinações entre estes cristais, empilhamentos denominados heteroestruturas de van der Waals podem ser formados, levando a uma infinidade de possibilidades para estudo e aplicações em dispositivos eletrônicos. No âmbito de pesquisas teóricas, porém, estas investigações são limitadas aos recursos computacionais disponíveis para simulações. O trabalho de Daniel descreve uma metodologia teórica para o cálculo de empilhamentos de materiais bidimensionais para a formação de interfaces e dispositivos eletrônicos com baixa dimensionalidade, prometendo minimizar drasticamente os esforços computacionais no cálculo destes sistemas a partir de um banco de dados de diversos cristais 2D. Este trabalho também foi publicado recentemente no Journal of Physical Chemistry C (120 (20), pp 10895–10908, 2016,  DOI: 10.1021/acs.jpcc.6b01496), periódico internacional de alta relevância na área.

Dentro do Grupo de Materiais Semicondutores e Nanotecnologia do ITA, no qual Daniel trabalha, vários destes semicondutores são estudados sob o ponto de vista da física teórica. O grupo, liderado pela Profa. Lara, tem obtido resultados relevantes para a área, com crescente projeção nacional e internacional. Em 2015, Bruno Lucatto, também estudante do grupo, recebeu o prêmio de melhor iniciação científica do país por sua pesquisa da interface grafeno/grafano.


Fonte: Site do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA)

Nenhum comentário:

Postar um comentário