sexta-feira, 1 de julho de 2016

Kassab Anuncia Novo Diretor do INPE em Visita ao CEMADEN em S. José, SP

Olá leitor!

Segue abaixo mais uma matéria sobre a escolha pelo bizarro Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) do físico e engenheiro Ricardo Magnus Osório Galvão como novo diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), matéria esta postada hoje (01/07) no site “G1” do globo.com.

Duda Falcão

VALE DO PARAÍBA E REGIÃO

Kassab Anuncia Novo Diretor do INPE
em Visita ao CEMADEN em S. José, SP

Engenheiro e físico Ricardo Osório Galvão vai assumir cargo.
Atração de investimentos em infraestrutura e efetivo é desafio.

Do G1 Vale do Paraíba e Região
01/07/2016 - 12h02
Atualizado em 01/07/2016 - 12h02

(Foto: Divulgação/SindCT)
O novo diretor do INPE foi anunciado pelo ministro Gilberto Kassab.

O físico e engenheiro Ricardo Osório Galvão vai assumir a direção do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) em São José dos Campos (SP). O nome foi anunciado nesta sexta-feira (1º) durante visita do ministro da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, Gilberto Kassab, no aniversário de cinco anos do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (CEMADEN).

Galvão vai assumir o cargo ocupado desde 2012 pelo engenheiro Leonel Perondi, que teve a gestão encerrada em maio deste ano, mas continuava no cargo aguardando definição quanto a escolha do novo nome para direção diretor do instituto.

O ministério escolheu Galvão por meio de lista tríplice, após prévia consulta à comunidade acadêmica. Os nomes dos outros dois concorrentes não foram informados pela pasta.

O físico e engenheiro aguarda publicação no Diário Oficial para tomar posse no cargo - procurada, a assessoria de imprensa da Casa Civil não informou a previsão para a publicação até a conclusão desta reportagem.

Ele vai assumir a função com o desafio de atrair recursos em infraestrutura e mão de obra para o INPE, que vem sofrendo processo de defasagem nos últimos anos.

Atualmente o INPE tem cerca de 900 funcionários e a projeção é que esse número seja reduzido a 520 até 2020, por causa da aposentadorias de profissionais. A avaliação é do Sindicato Nacional dos Servidores Públicos Federais na Área de Ciência e Tecnologia do Setor Aeroespacial (SindCT).

(Foto: Divulgação)
Supercomputador Tupã  opera no limite da vida útil.

Pelo menos desde 2007 a direção do do instituto pede ao governo federal a contratação de funcionários para suprir as perdas - sem obter retorno até o momento.

Outro pedido antigo, é a compra de um novo supercomputador para o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), órgão ligado ao INPE em Cachoeira Paulista. O equipamento vai substituir o 'Tupã', opera no limite da vida útil.A expectativa é que a máquina fosse comprada ainda neste ano, mas ainda não há previsão para a aquisição.

Perfil

Ricardo Galvão éprofessor titular do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (USP), membro da Academia Brasileira de Ciências, e atual presidente da Sociedade Brasileira de Física. Ele vai pedir afastamento do cargo quando for nomeado diretor do INPE.

Ele graduou-se em engenharia de telecomunicações pela Universidade Federal Fluminense em 1969, fez mestrado pela Universidade Estadual de Campinas em 1972 e doutorado pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (EUA) em 1976.

Atuou como professor da Unicamp entre 1971 e 1982, e na Universidade de São Paulo desde 1983, onde atualmente é professor titular. Paralelamente, atuou também como pesquisador pelo Centro Técnico Aeroespacial de 1982 a 1986.

Galvão é também membro titular da Academia de Ciências do Estado de São Paulo e da Academia Brasileira de Ciências, Fellow do Institute of Physics, Presidente da Sociedade Brasileira de Física e membro do Conselho da Sociedade Européia de Física.


Fonte: Site “G1” do globo.com – 01/07/2016

2 comentários:

  1. Não seria a hora de trocar também o presidente da AEB ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sr. Heisenberg!

      Eu diria que já passou da hora. Na verdade ele jamais deveria ter sido escolhido como presidente deste órgão.

      Abs

      Duda falcão
      (Blog Brazilian Space)

      Excluir