terça-feira, 19 de julho de 2016

Escolas Podem Agendar visita ao Miniobservatório Astronômico

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada ontem (18/07) no site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), destacando que escolas a partir do 4º Ano do Ensino Fundamental podem agendar visitas ao Miniobservatório Astronômico do Instituto.

Duda Falcão

Escolas Podem Agendar visita ao
Miniobservatório Astronômico

Segunda-feira, 18 de Julho de 2016

Miniobservatório Astronômico do INPE.

O Miniobservatório Astronômico do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), em São José dos Campos (SP), recebe estudantes a partir do 4º ano do ensino fundamental nas noites de quinta-feira, das 19h às 21h. Está aberto o agendamento para as visitas entre os meses de agosto e outubro de 2016.

As escolas interessadas devem ligar para (12) 3208-7194 e agendar a visita com Silvia Regina, da Divisão de Astrofísica (DAS) do INPE.

A cada quinta-feira o Miniobservatório receberá até 40 estudantes, acompanhados de um a dois professores. Os visitantes poderão visualizar a Lua, planetas e aglomerados de estrelas. Além de admirar os astros, terão a oportunidade de acompanhar como uma imagem astronômica é feita. Em caso de tempo encoberto, poderão conhecer o telescópio e conversar com alunos da Pós-Graduação em Astrofísica do INPE.

Difusão do Conhecimento

A astronomia desperta grande interesse entre as pessoas e está vinculada a quase todas as áreas da ciência. Com esta motivação é que são promovidas as atividades de difusão científica no Miniobservatório do INPE, que são gratuitas e já atenderam milhares de estudantes brasileiros, por meio de visitas presenciais ou observações astronômicas remotas.

O Miniobservatório Astronômico foi inaugurado em 2003 para dar suporte às atividades de difusão, pós-graduação e pesquisa da DAS/INPE.

O telescópio óptico do Miniobservatório é do tipo refletor Schmidt-Cassegrain de 28 cm de diâmetro de abertura. É utilizado para visualização direta com o uso de oculares e, também, para aquisição de imagens digitais dos astros por meio de uma câmera CCD automatizada e filtros astronômicos.

O sistema inclui um focalizador automatizado, um redutor focal para aumento do campo de visada, duas lunetas guias montadas no INPE (uma visual e outra digital) e, ainda, uma miniestação meteorológica para fornecimento das condições do tempo local. Além da sala de observação do céu, o Miniobservatório possui um auditório com recursos didáticos e capacidade para 25 pessoas.



Fonte: Site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)

Nenhum comentário:

Postar um comentário