sexta-feira, 27 de maio de 2016

Programa Espacial é Coisa Muito Séria, Não Há Lugar Para Fantasias

Olá leitor!

Trago agora para você dois vídeos interessantes sobre as atividades espaciais no mundo. O primeiro deles é uma pequena entrevista produzida pelo site G1 do globo.com onde nosso astronauta Marcos Pontes fala sobre o futuro do turismo e da exploração espacial.

video

O segundo é uma reportagem do Jornal Bom Dia Brasil da Rede Globo exibida em 28/04 sobre a inauguração da nova Base de Lançamento de Foguetes da Rússia (Vostochny), considerada a mais moderna do mundo, e de onde os russos esperam em 2029 lançarem a sua missão tripulada para a Lua.

video

Veja leitor nesses dois vídeos como as maiores nações espaciais do mundo estão se preparando para conquistar o espaço em diversas maneiras, explorando suas diversas possibilidades, pois sabem elas que o futuro da humanidade está no espaço e que em breve a indústria espacial será a maior do mundo.

Programa Espacial caro leitor é coisa muito séria, não há lugar para fantasias, pois envolve muitos riscos e exige investimento contínuos, dinamismo e profissionais preparados e comprometidos, todos trabalhando conjuntamente com os seus governantes, estes responsáveis por criar e facilitar a operacionalização do setor espacial de seus países através de uma politica espacial progressiva e constante que atue num universo propício para este desenvolvimento.

No Brasil jamais isto aconteceu, mesmo na época dos governos militares (neste caso por outros motivos) apesar de naquela época termos um Programa Espacial motivado e progressista dentro evidentemente das possibilidades financeiras e do conhecimento tecnológico que dispúnhamos naquele momento, ou seja, tínhamos um Programa Espacial do tamanho do Brasil.

Desde a chegada dos governos civis (com exceção do Governo Sarney onde pelo menos conquistas foram realizadas, como a criação do LIT, do Programa CBERS, continuidade das atividades de desenvolvimento do Sonda IV, VLS-1 e dos Satélites SCDs, etc...), mas precisamente a partir do Governo COLLOR o Brasil veio diminuído o tamanho de seu PE, perdendo cada vez profissionais e implantando uma campanha de fantasias mentirosas e irresponsáveis que culminou (na sua primeira fase) no desastre com o VLS-1 em 2003 e no atual estagio em que o Programa se encontra, praticamente destruído e entregue as empresas estrangeiras por esta Debiloide Petista que felizmente já deixou o governo.

Porém  leitor, não pense que com a chegada do TEMER este quadro irá mudar, como já estamos observando na questão da fusão dos ministérios, e lembre-se que este verme fez parte deste mesmo governo que eles ajudaram a derrubar.

O TEMER e seu grupo são também farinha do mesmo saco, populistas de merda da mesma forma, e não poderia ser diferente, pois esta é a cultura vigente na classe política deste país, seja em Brasília, seja em seu estado, seja em sua cidade, seja em sua vila, seja na cabeça de alguns donos de fazenda onde você agricultor trabalha para viver. Não é por acaso que estamos virando um porto seguro para a criminalidade, até internacional. Triste...

Duda Falcão

Nenhum comentário:

Postar um comentário