segunda-feira, 16 de maio de 2016

Nova Legislação Irá Favorecer Serviços Especializados Oferecidos Pelo LIT e LIM

Olá leitor!

Segue abaixo uma interessante reportagem publicada no número 05 do Informativo do INPE de 08/04, destacando que o Marco Legal de CT&I irá favorecer serviços especializados oferecidos pelo Laboratório de Integração e Testes (LIT) e pelo Laboratório de Instrumentação Meteorológica (LIM) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE).

Duda Falcão

Nova Legislação Irá Favorecer Serviços
Especializados Oferecidos Pelo LIT e LIM

Informativo INPE
Número 05
08/04/2016

Um dos importantes avanços do Marco Legal de CT&I (veja notícia anterior) foi o aprimoramento da legislação que prevê a possibilidade de as instituições de ciência e tecnologia (ICTs) prestarem serviços técnicos especializados a instituições públicas e privadas em atividades voltadas à inovação e pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo. A legislação anterior dava margem a dúvidas quanto à captação, gestão e aplicação das receitas próprias da ICT, geradas pela prestação dos serviços. Agora, o parágrafo único do artigo 18 estabelece que o gerenciamento desses recursos poderá ser delegado a fundação de apoio, por meio de contrato ou convênio. Os recursos poderão ser aplicados diretamente na ICT prestadora do serviço, para manutenção das instalações, de equipamentos, recursos humanos e outros insumos.

Especialistas do INPE acreditam que o novo dispositivo legal irá favorecer significativamente as atividades do Laboratório de Integração e Testes de satélites (LIT) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Além de atender a demandas internas, o Laboratório cumpre hoje a importante função de disponibilizar à sociedade produtos e serviços inovadores resultantes do conhecimento gerado no âmbito de suas áreas de atividade.

Concebido a partir de 1979, o LIT iniciou suas operações em 1987 e hoje está equipado com os mais sofisticados meios para a qualificação, testes e integração de sistemas para aplicações espaciais. Embora tenha sido especialmente projetado e construído para atender às necessidades do Programa Espacial Brasileiro, o Laboratório é também um sofisticado instrumento para a qualificação de produtos industriais que exijam alto grau de confiabilidade.

O LIT disponibiliza seus meios de testes para a realização de ensaios que contribuem para o desenvolvimento de novos produtos e/ou implementação de inovações. A estrutura tem grande relevância para as empresas nacionais e estrangeiras. “É uma facilidade estratégica, que permite às empresas adequarem seus projetos e certificarem seus produtos, ganhando competitividade no mercado”, explica Maria de Fátima Vollet, responsável pela área de Planejamento, Análise e Custos do LIT. “Em se tratando, especificamente, de ensaios do setor espacial, são poucos os laboratórios no mundo que centralizam todas as atividades em uma mesma planta”.

Os processos de certificação de equipamentos em áreas como telecomunicações, aeroespacial, eletroeletrônica, médico-hospitalar, por exemplo, exigem ensaios de qualificação que demonstrem o atendimento aos diversos requisitos técnicos. O LIT dispõe de uma infraestrutura que o capacita a testar uma variedade de produtos que vão desde aqueles de pequeno porte, como um componente automotivo, uma antena, um dispositivo de comunicação, sensor de uso médico, mas também veículos de grande porte, máquinas industriais, aparelhos e veículos militares e aeronáuticos.

Ensaios dessa natureza demandam meios de testes como câmaras blindadas e anecóicas que possibilitem um controle do ambiente necessário a essa finalidade. As dimensões dessas câmaras vão determinar o porte dos equipamentos que podem ser qualificados. “O LIT possui a maior câmara do país, permitindo que tais equipamentos possam ter o seu desenvolvimento e qualificação realizados aqui mesmo no Brasil, sem os transtornos logísticos, prazos e custos demandados na eventualidade de que essas atividades tivessem que ser conduzidas no exterior, tendo em vista a falta desta infraestrutura”, explica Marco Antônio Strobino, gerente do Laboratório de Compatibilidade Eletromagnética, Antenas e Testes Funcionais e Telecomunicações do LIT.

Cláudio Aguiar, supervisor da Ford, considera “muito importante e estratégico” poder contar com uma estrutura como a do LIT, para a realização de ensaios de interferência e compatibilidade eletromagnética. Para Isabel Geier, da Mectron, a importância do LIT é altamente reconhecida tanto entre as empresas da área aeroespacial, como de outros setores, como o automotivo, não só para a realização de testes ambientais, como também por “fornecer capacitação ligada à área de montagem aplicada a equipamentos de alta confiabilidade”.

Dentre os serviços disponibilizados pelo LIT às empresas, destacam-se os testes funcionais em equipamentos de telecomunicação bem como um sistema de determinação da Taxa de Absorção Específica (SAR, da sigla em inglês). O objetivo deste sistema é verificar o atendimento aos limites do nível de irradiação e à exposição aos sinais emitidos por dispositivos de comunicação móvel como transceptores e aqueles de telefonia celular, que são utilizados junto ao corpo do usuário, conforme determinados pela OMS (Organização Mundial da Saúde) e de acordo com as resoluções da Anatel.

“O mercado de celulares tem um apelo comercial muito sazonal e, por isso, seu ciclo de produção precisa ser muito ágil para que o produto esteja pronto para a distribuição poucos meses após a sua concepção e desenvolvimento” exemplifica Strobino. “Nesse setor, a disponibilidade de uma estrutura como a do LIT é fundamental para a competitividade da empresa”. “O LIT conta com excelentes profissionais capacitados e possui toda a infraestrutura necessária para a realização dos ensaios dos testes de homologação da Anatel dos produtos da Motorola”, confirma Rogério Higa, da Motorola Solutions.

Metrologia

Para atender à sua demanda interna, o LIT mantém os seus próprios Laboratórios de Metrologia nas áreas de Eletricidade, Tempo e Frequência, Telecomunicações, Acústica e Vibrações, Temperatura e Umidade, Pressão (Vácuo), Torque e Força, Massa e Dimensional, subdivididos em três laboratórios: (1) Laboratório de Metrologia Elétrica, (2) Laboratório de Metrologia Físicas e (3) Laboratório de Metrologia Mecânica. Esses laboratórios hoje também prestam serviços para instituições públicas e privadas. A Área de Metrologia do LIT atende ainda a outras áreas do INPE, inclusive o Laboratório de Instrumentação Meteorológica (LIM) do CPTEC, na calibração e testes de equipamentos para pesquisa de campo dentro de sua área de atuação. “Nosso lema é ‘atender ao LIT na sua plenitude’”, explica Ricardo Suterio, gerente técnico do Laboratório. “É essa estrutura que oferecemos aos demais setores do INPE e externamente, como forma de compartilhar com a sociedade um serviço acreditado e de excelência, mas sempre priorizando os programas espaciais dos quais o LIT participa”.

Enquanto a Metrologia do LIT trabalha nas áreas que envolvem aplicações aeroespaciais e industriais, o Laboratório de Instrumentação Meteorológica (LIM) se concentra nos serviços ligados à meteorologia. A estrutura tem como atribuição a preparação, instalação, integração, testes funcionais e calibração de um número elevado de sensores e medidores ambientais de pesquisa nessa área. Dentre esses equipamentos destacam-se sensores para medidas das variáveis: temperatura, pressão atmosférica, umidade, vento, precipitação, radiação solar, parâmetros de qualidade da água, entre outras. Também são incluídos equipamentos e sensores para medidas de fluxos turbulentos e concentrações de CO2, H2O, radiossondagens atmosféricas e medições em alto-mar utilizando-se boias oceanográficas.

Saiba mais sobre as áreas de atuação do LIT e do LIM.

Área de Calibração de Grandezas Elétricas e Frequência
do Laboratório de Metrologia do LIT/INPE.
Hall de montagem, integração e testes funcionais do LIT/INPE.


Fonte: Informativo do INPE - Número 05 - 08/04/2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário