terça-feira, 29 de setembro de 2015

Simpósio Premia Artigo de Pesquisador do INPE na Área de Computação Aplicada

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (29/09) no site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), destacando que Simpósio premia artigo de pesquisador do instituto na área de Computação Aplicada.

Duda Falcão

Simpósio Premia Artigo na
Área de Computação Aplicada

Terça-feira, 29 de Setembro de 2015

O trabalho “Time Performance Formal Evaluation of Complex Systems”, de  Valdivino Alexandre de Santiago Júnior, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), e Sofiène Tahar, da Concordia University (Canadá), recebeu a terceira colocação entre os melhores artigos do XVIII Simpósio Brasileiro de Métodos Formais (SBMF 2015), realizado na última semana em Belo Horizonte (MG).

Tecnologista do Laboratório Associado de Computação e Matemática Aplicada (LAC) do INPE, Valdivino realizou uma avaliação de desempenho sob a perspectiva de tempo para sistemas complexos, tomando como estudo de caso o Experimento Científico protoMIRAX, um projeto em desenvolvimento na Coordenação de Ciências Espaciais e Atmosféricas (CEA) do INPE.

O trabalho foi desenvolvido na Concordia University, em Montreal, por meio de uma bolsa BSP do Programação de Capacitação Institucional (PCI) do CNPq. Valdivino é docente do Programa de Pós-Graduação em Computação Aplicada (CAP) do INPE e desenvolve pesquisas em Verificação Formal de Sistemas/Software (Model Checking Funcional e Probabilístico), Testes de Software Baseados em Modelos, Processamento em Linguagem Natural e Análise de Desempenho.

O SBMF, ligado ao Congresso Brasileiro de Software: Teoria e Prática (CBSoft 2015), é um simpósio dedicado ao estudo e à aplicação de Métodos Formais para o desenvolvimento de produtos de software com maior ênfase, mas também para sistemas em geral. É o principal evento do setor no Brasil e um dos mais relevantes na comunidade internacional de Métodos Formais e de Engenharia de Software. O comitê de avaliação de artigos do simpósio é formado por pesquisadores das principais universidades brasileiras e de países como Inglaterra, Portugal, Itália, Estados Unidos, Alemanha, Dinamarca, Espanha, Suíça e Canadá.



Fonte: Site do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)

Nenhum comentário:

Postar um comentário