terça-feira, 25 de agosto de 2015

Brasileiros Vencem Competição Com Aplicativo Móvel da Dengue

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota da postada hoje (25/08) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB), destacando que vencem competição com Aplicativo Móvel da Dengue.

Duda Falcão

Brasileiros Vencem Competição
Com Aplicativo Móvel da Dengue

CCS com Isabella Damião

Foto: Christian Hastedt-Marckwardt/SAP
Ingrid-Helen Arnold, CIO e CPO da SAP (E), Ana Cristina van Oijhuizen Galhego Rosa,
David Ó Beagáin, Fernando Augusto de Oliveira Abreu Damião e Carsten Linz, da SAP.

Brasília, 25 de agosto de 2015 – Com um aplicativo móvel que se destina a localizar e propiciar a destruição das larvas e criadouros do mosquito da dengue, utilizando imagens de satélites e outros índices a equipe brasileira Dipteron venceu a competição de aplicativos móveis SAP InnoJam, realizada nos últimos dias 11 e 12, em Walldorf, na Alemanha.

A equipe nacional foi formada pela advogada especialista na área espacial Ana Cristina van Oijhuizen Galhego Rosa, também co-fundadora e CEO da startup Dipteron, por David Ó Beagáin, também da Dipteron, e pelo programador Fernando Augusto Damião.

Como prêmio, a startup receberá seis meses de apoio empresarial da empresa alemã de desenvolvimento de software SAP e da Agência Espacial Europeia (ESA) para o desenvolvimento do aplicativo móvel.

“Posteriormente, o aplicativo estará disponível no mercado e ajudará a combater uma das maiores doença que assola o mundo e, principalmente, o Brasil,” diz Ana Cristina.

Segundo o Ministério da Saúde, a incidência da dengue aumentou 30 vezes nos últimos 50 anos. É estimado que 50 milhões de infecções por dengue ocorram anualmente e que aproximadamente 2,5 bilhões de pessoas morem em países onde a doença é endêmica. Hoje, há uma epidemia em mais de 120 países nas regiões da África, Américas, Mediterrâneo Oriental, Sudeste Asiático, Pacífico Ocidental e alguns países da Europa.

Competição – Funcionando como um “hackaton”, uma maratona que reúne vários programadores para trabalhar sem parar no desenvolvimento de seus softwares, o SAP InnoJam reuniu funcionários da SAP, estudantes universitários e startups para a competição que objetiva apresentar uma solução e implementação inteligentes para os problemas levantados pelas equipes inscritas em cada categoria.

O evento também abordou os potenciais da digitalização do local de trabalho por meio de aplicativos móveis e como eles podem aumentar a produtividade. Nas 32 horas de competição, os participantes de cada categoria trabalharam com os especialistas das áreas de tecnologia, produção e desenvolvimento da SAP e da ESA.

“Foi uma oportunidade única estar na sede de uma das maiores empresas de software do mundo. Poder interagir e aprender com os próprios criadores das soluções de software foi uma experiência inesquecível”, ressalta Damião.

O anúncio dos vencedores foi teve a presença da CIO e CPO da SAP, Ingrid-Helen Arnold, do Business Development Officer da SAP, Carsten Linz e do Chefe do programa Copernicus da ESA, Simon L. G. Jutz


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira (AEB)

Nenhum comentário:

Postar um comentário