sexta-feira, 29 de maio de 2015

Planetário de Brasília Recebe Mostra Sobre Astronomia

Olá leitor!

Segue abaixo uma nota postada hoje (29/05) no site da Agência Espacial Brasileira (AEB), destacando que Planetário de Brasília recebe mostra sobre Astronomia.

Duda Falcão

Planetário de Brasília Recebe
Mostra Sobre Astronomia

MCTI

Foto: Divulgação/Planetário
Exposição já foi vista por mais de 800 pessoas.

Brasília, 29 de maio de 2015  Painéis fotográficos com imagens de galáxias, nebulosas planetárias e constelações podem ser vistos na mostra de astronomia que está instalada por tempo indeterminado no Planetário de Brasília.

A exposição Universo Surpreendente, iniciativa da organização intergovernamental de ciência e tecnologia preeminente alemã Observatório Europeu do Sul, foi aberta no início do mês.

Voltada para todas as idades, a mostra tem os estudantes como público-alvo. “Queremos despertar neles a curiosidade sobre o Universo, não limitando-a ao planeta Terra”, explica o diretor de divulgação científica da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, Airton Lugarinho.

Nos corredores do primeiro andar e do subsolo, estão expostas imagens que abordam a concepção, a construção e o funcionamento dos maiores observatórios astronômicos terrestres do mundo. “A pretensão do Planetário é de se tornar um polo de ciência e tecnologia”, afirma Lugarinho.

As fotos, que chamam atenção pelas cores e nuances das formas, foram tiradas por um telescópio com tecnologia de ponta e padrão de referência da astronomia europeia, o Very Large Telescope, e pelo telescópio espacial Hubble.

Réplicas das roupas usadas pelo astronauta brasileiro Marcos Pontes e de modelos de espaçonaves, também fazem parte do acervo. O Observatório Europeu do Sul opera em regiões icônicas como o deserto do Atacama, no Chile, local que recebe visitantes de todo o mundo para observação do céu.

O Planetário de Brasília foi criado em 1974, fechado em 1996 e reaberto ao público no final de 2013. Desde a reinauguração, o local tem tecnologia de última geração, como o projetor alemão Spacemaster, usado nas sessões que ocorrem na cúpula.

Para assistir às sessões regulares do planetário, de terça-feira a domingo, é cobrado dos visitantes um quilo de alimento não perecível como ingresso. A programação varia entre sessões comentadas por um monitor do espaço (que ocorrem aos fins de semana, às 15 h e às 18h30), mostra do céu de Brasília, do Sistema Solar, fases da Lua e exibição de filmes.


Fonte: Site da Agência Espacial Brasileira (AEB)

Nenhum comentário:

Postar um comentário